terça-feira, 24 de junho de 2008

Beijoqueira

A Ju apesar de gostar de se fazer difícil quando lhe pedem um beijinho é muito beijoqueira. Hoje trago-vos 3 exemplos que nos deliciaram.


1. Um certo dia, a Ju estava sentada a ver o Pooh no DVD. Ao sair da sala olhei para ela e não resisti a ir lá dar um beijinho (estava tão fofinha...). Ela estava concentradíssima a olhar para a TV, mas quando me aproximei e lhe dei o beijinho ela instintivamente virou-se e retribuiu-me o beijo.

2. Nesse mesmo dia, quando nos fomos deitar, passei pelo quarto da Ju para ver como estava, já que ela se mexe muito e está sempre destapada. Como sempre, estava toda torta e encostada a um canto da cama.
Peguei nela para a pôr direita e mais "centrada" na almofada. Ainda a dormir esticou o braço para pôr por cima do 'bébé azul' que estava agora a seu lado e deu-lhe uns beijihos muito bons. Eu e a Carla tivemos de sair do quarto a correr, para não a acordarmos com o nosso riso.

3. Hoje, a Elodie desenhou 2 sorrisos nas costas das mãos da Ju (um em cada mão) e disse à Ju que um era o papá e outro a mamã.
Ela passou o dia a dar beijinhos às costas das mãos... ou seja à mamã e ao papá.
(plof, plof) (som da baba a cair no teclado)
P.S.: A comnicação com a Elodie foi obviamente em Francês.
(plof, plof, plof) (som de ainda mais baba a cair no teclado)

Private Joke

Peço desculpa a todos os outros, mas esta é só para quem conhece os antecedentes...

(É mais pelo título e última frase, que o texto é uma seca!)

segunda-feira, 23 de junho de 2008

Dia do Luxemburgo

Hoje é dia do Luxemburgo e como tal é feriado nacional. Ontem aproveitou-se o Verão e houve churrascada em casa de uma colega da Carla. Ficam aqui as fotos da Ju com o vestido da festa e as minhas tentativas de usar a função macro com as flores do jardim.













sábado, 21 de junho de 2008

Solstício de Verão

São 21:20 e esta é a vista da nossa janela neste dia de Solstício de Verão:

terça-feira, 17 de junho de 2008

não precisa de comentários

(vídeo em inglês)

A Lua

Ontem à noite notei que estava quase lua cheia e decidi mostrá-la à Júlia que é fã incondicional deste satélite. Então disse que tinha uma surpresa e levei-a à janela da cozinha onde se conseguia ver muito bem. Fiquei a olhar para a sua carinha a acender de alegria quando percebeu a surpresa. A sua expressão ficará sempre gravada na minha memória, apesar de não ter sido registada em fotografia. Os olhos bem abertos, a boca entreaberta a mostrar os dentes e claro, a sua covinha deliciosa.
"As ti-ti-ti-ti, tá boa?" (trad: As estrelinhas estão boas?) foi o início da conversa com a Lua. E ficámos ali, durante uns dez minutos, na conversa com a Lua, enquanto o pai estava ao telefone. Não é preciso mais nada, a Júlia, a Lua e o silêncio doce do brilho da felicidade. Acho que estes momentos são únicos, e não têm a ver com o facto de estar no Luxemburgo, podia ser em qualquer sítio. É uma questão de parar e olhar com uma perpectiva diferente, uma perpectiva de aqui e agora. Carpe diem.

segunda-feira, 16 de junho de 2008

A Ju e o 'chá'

Após muitas tentativas lá consegui importar o vídeo que a Milena gravou numa destas manhãs.
A Ju não nos pode ver a beber chá ou café porque pede sempre. E exige tudo: chávena, pires e colher. Ela sabe perfeitamente que é só água que lá pomos (até nos diz onde está a garrafa), mas porta-se à altura do ritual...


video

domingo, 15 de junho de 2008

8º Dia da Milena e Dora

Ao 8º dia, fizemos um pequeno almoço de panquecas. A Ju ajudou imenso: a partir o ovo, a juntar o leite e a mexer.















Depois fomos ao centro para uma última volta com dois objectivos: provar as famosas "tartelettes de citron" aconselhadas pelos primos António Jorge e Ana, e mostrar o parque do barco às meninas. Assim fizemos e descobrimos ainda que na praça principal havia uma festa da música - há imensas actividades no centro, o que está a ser uma surpresa para nós e torna-o sempre vibrante ao contrário da baixa lisboeta que está sempre às moscas fora das horas de expediente.










Mais tarde fomos levar as meninas ao aeroporto.










A Ju este muito activa e contente, enquanto estávamos na conversa a fazer tempo até abrir a porta de embarque.










Mas quando chegou a hora e a Milena se foi despedir dela, fez beicinho e recusou-se a dar-lhe um último beijinho.



Depois de chegarmos a casa ela quis brincar no quintal e estivemos um pouco lá fora a andar de escorrega e no carro novo (herdado do vizinho que se mudou e ofereceu o carro eléctrico do filhote) e quando passava um avião, já dizia adeus à Milena sem beicinho.





Tchau meninas, voltem depressa....

sábado, 14 de junho de 2008

7º Dia da Milena e Dora

Hoje, sábado, fomos a Remich, na fronteira com a Alemanha, na zona das vinhas do Moselle. Fizemos o passeio de barco até Schengen e voltámos.
O famoso acordo foi assinado no rio, que foi escolhido simbolicamente por estar no cruzamento do Luxemburgo, da Alemanha e da França, 3 dos países originais.

6º Dia da Milena e Dora

Ao sexto dia as meninas tiveram ordem de soltura e foram sozinhas passear ao centro, ver montras e fazer as compras para os "recuerdos". Como não quiseram provas do crime, não há fotos para nínguem. Em compensação vingaram-se na Ju, que foi fotografada e filmada até à exaustão.
















sexta-feira, 13 de junho de 2008

5º Dia da Milena e Dora

Ao quinto dia voltámos às voltas e fomos visitar o vale dos 7 castelos (o texto está em luxemburguês ou alemão, mas vale a pena carregar em cada um dos nomes da esquerda para ver as fotos). Nem todos os castelos estão visitáveis e há alguns que estão tão escondidos que nem os "nativos" nos conseguiram indicar onde eram. Suspeito mesmo que algumas das terras assinaladas como fazendo parte do percurso do vale não têm castelos, mas estão assinaladas por estar situadas nesse vale.
Fica aqui a lista das terras e seus links: Steinfort, Koerich, Septfontaines, Hollenfels e Ansembourg, Schoenfels e Mersch.
Também chegou a chuva o que tornou a visita mais desagradável e muito mais 'automobilística' do que tem sido costume. Assim é o tempo do centro da Europa.
À noite fomos jantar ao "Apoteca - Alquimia de comida, Bar e Restaurante", muito in, muito stylish.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

4º dia da Milena e Dora

Hoje foi um dia mais calmo: fomos mostrar a cidade do Luxemburgo às meninas. Para isso optámos por uma visita guiada pedonal, onde se viu o principal, nomeadamente os restos da muralha e se aprendeu um pouco da sua história.
Depois fomos buscar a Carla (que hoje já foi trabalhar), demos uma volta de carro pela zona baixa da cidade (Grund) e voltámos para ver o jogo Portugal-Rep. Checa num bar com uns colegas da Carla.

terça-feira, 10 de junho de 2008

3º dia da Milena e Dora

Para o terceiro dia, tinhámos grandes planos: visitar a zona do Luxemburgo chamada "Petit-Suisse". Fomos visitar 3 vilas e respectivos castelos: Larochette, Beaufort e Vianden, qual delas a mais gira. A paisagem durante o percurso também vale a pena por si só. Há muitas florestas, montanhas, prados, e vaquinhas, em tão pouco espaço. Tudo muito bem arranjado e bonitinho.
Continuam quase 30ºC, o que tem tornado as caminhadas muito mais complicadas, mas continuamos a resistir... acho que as meninas vieram com o sol de Portugal na bagagem, vamos ver se elas o deixam cá. Por falar em Portugal, hoje é o dia de Camões, deve ser por isso que a Milena tirou tantas fotos à nossa bandeira, ainda começámos a contar mas depois desistimos, estavam em todos os cantos. Em Larochette quando descemos do castelo passaram três homens por nós e cumprimentaram-nos com "boa tarde", como se estivéssemos em plena Beira Baixa. Durante a viagem cruzámo-nos com mais portugueses do que luxemburgueses!

(escrito a quatro mãos: Sandro e Carla)

2º Dia da Milena e Dora

No segundo dia, fomos mostrar Metz às nossas visitas, e fizemos um piquenique à beira-rio.
Aqui está um slide-show com as nossas fotos do dia (podem estar algumas parecidas, pois sempre eram 3 fotógrafos):


segunda-feira, 9 de junho de 2008

1º Dia da Milena e Dora

No primeiro dia completo das nossas visitas connosco, voltámos a Trier (ALE), para lhes dar a provar os famosos gelados, que a Ju tão bem publicitou. Voltou a estar um dia magnífico, que chegou aos 30ºC.
Mais um piquenique e mais uns geladitos. E desta vez foi uma visita completa: volta de comboio, entrámos nas Catedral, Porta Nigra, Banhos imperiais, Basílica Protestante, etc, etc.
Aqui está um pequeno-grande slide-show com (algumas d)as nossas fotos:

domingo, 8 de junho de 2008

A Milena e a Dora chegaram

Ontem fomos buscar a Milena e a Dora à nova gare do Aeroporto (tem menos de 15 dias e ainda cheira a novo).
A Ju esteve muito contente o dia todo e depois então ficou mesmo histérica.
Só adormeceu à meia-noite, mas foi tiro-e-queda, foi para o quarto e caíu para o lado.
Enquanto esperávamos pela saída das visitas, tirei muitas fotos:



















E aqui está o reencontro...